Pensamentos à Deriva (1)

sexo-na-net

“Sexo Gratuito na Internet… eu nunca fiz, e você?”

Ontem estava eu vendo um programa de TV ao qual falava a respeito de sexo pela internet, quando fisguei um pensamento perspicaz e intrigante: Sexo, até quando pode ser considerado como tal?
Não querendo mudar a concepção das pessoas que lerem este artigo, mas impondo a minha propria idéia à prova de fogo daqueles que chegarem a ler pelomenos estas linhas, sexo, até onde estudei só se faz quando à penetração do orgão masculino no orgão feminino! E não estou sendo do contra e nem “cafona retrógrado da silva”, mas até os dias de hoje não ha muita conversa entre pais e filhos a respeito desse tema, e até aquele garotão crescido que o pessoal nota como o mais cabeça da turma pode ter esse tipo de problema na cabeça ( e não na cueca ) e acaba enfiando os pés pelas mãos quando precisa tomar conta de seus proprios atos em relacionamentos que, as vezes, chegam a ser perturbadores para quem acha que sexo é sinal de união, quando nos dias de hoje virou mais um cumprimento amigavel! Na pior das hipoteses, o rapaz pode não se proteger e na certa pegar alguma doença sexualmente transmissivel.
Pensando nesse assunto, me lembrei de muitos amigos meus que ja passaram pela esperiencia de estourar a camisinha no ato sexual e entrarem em panico depois! Garotos, são apenas garotos brincando de roleta russa com os proprios corpos! Intrigante? Mas nossos pais não chegaram a passar por isso, e nossos avós nem sonharam com esse tipo de atitude juvenil. Nossos bisavós então, estes sim se casaram uma unica vez e, quando se casaram uma segunda, foi por quer seu parceiro morreu!
E então me vem a imagem bizarra em uma pergunta mais tosca ainda: Como fazer sexo pela internet? Você pode até estar pensando em masturbação, e até deve ter lembrado daquela musica da Rita Lee, mas sexo não está apenas na cabeça, na verdade o culpado de tanta histeria orgasmatica e prazerosa são nada mais nada menos que um punhado de hormonios e sinapses ( nero-transmissores ) circulando em um volume maior do que o habitual no cerebro humano, em palavras curtas, reação quimica!
Em meados do ano de 2001 ( não sei bem se foi nessa época ), vi na revista Play Boy o anuncio de um aparelho que simulava o sexo entre duas pessoas online. Na verdade era um aparelho que ficava conectado ao computado e, no caso masculino, tinha uma fenda ( a vagina, claro ) em que ele punha o pênis e fazia os movimentos corretos ( 😛 ), e então, do outro lado a mulher com seu aparelho, o qual possuia um penis artificial que fazia tudo o que o homem fazia do outro lado do computador!
Sinistro? Não! Muita gente pratica masturbação. Muitas mulheres põe as aranhas para brigarem e muito homem… é, voces entenderam… Não estou sendo vulgar, mas sexo é carnal e não acredito em nenhum produto que substitua, para mim, uma mulher. Bom, foi só um pensamento!

One Response to Pensamentos à Deriva (1)

  1. Daniel Moraes disse:

    É engraçado, mas parece que antes . no tempo de nossos avós/bisavós que não tinha camisinha, também não tinha essa preocupação com DST’s ou a eterna preocupação de engravidar que se tem hoje. e o problema maior é que mesmo com toda essa preocupação muitas MENINAS vivem engravidando…no meu colégio em cada sala tem uma XD ( sério D: ) .
    enfim, mas com esse é um post sobre ‘Sexo Virtual’ vamo falar disso xD

    pra mim ‘sexo virtual’ é um mito. sim, pq não é deveras sexo, e sim masturbação D:
    você pode até estar usando esse ‘aparelho’ do post. mas continuará sendo masturbação D:

    e se “SEXO” não fosse um assunto tão ‘polêmico’ para alguns . também não haveria tanta criança grávida! sim, criança…12/13/14 anos pra mim continua sendo criança D:

    btw, belo topico ^D

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: